22.8.07

Blackle um google 100% negro
para reduzir o aquecimento global do planeta

O princípio pode parecer supérfulo, e fará sorrir muita gente, mas parece que o simples facto de mudar para esta nova opção para o seu motor de pesquisa, é possível fazer uma economia de energia equivalente à que gasta uma cidade bem maior que Lisboa.
Em função das cores utilizadas pelo computador, o consumo de energia é diferente. Princípio enunciado por Energy Star proveniente dum programa governamental americano que dá a conhecer que a cor branca consome 74 W e a negra 59W.
Todos aqueles que se converteram à estética sóbria dos sites e blogs com um vago aspecto de publicação de média em papel, só lhes resta, para participarem neste movimento para a economia de energia, passarem a modificar a cor de fundo dos seus blogs para cores escuras, como eu, que desde o início, sem ainda conhecer estas descobertas, adoptei um cizento quase preto para este blog e um carmim muito escuro para o IMAGO, o blog das minhas imagens experimentais.

5 comments:

LB said...

Ainda não tinha pensado nisso...
É bem possível, é!

e-ko said...

até parece que sim!

Watchdog said...

Soluções inteligentes...

e-ko said...

watchdog,

com que então fui promovida a cão de fila... mas que honra!

Watchdog said...

Não é depreciativo, atenção!...