16.2.07

infelizmente, não é vinculativo...


A Câmara dos Representantes norte-americana adoptou hoje uma resolução contra o envio de mais soldados para o Iraque. O diploma, apesar de não vinculativo, inflige uma nova derrota política ao Presidente George W. Bush.

Esta é a primeira vez que a Câmara – dominada pelos democratas desde as eleições intercalares de Novembro – desaprova a conduta do Presidente desde o início da guerra do Iraque, lançada há quase quatro anos após uma autorização especial do Congresso.

O texto, lapidar na condenação que faz da estratégia da Administração, foi apoiada em massa pela bancada democrata, mas contou também com o apoio de 17 dos 201 congressistas republicanos.

Ao todo, 246 dos 434 congressistas aprovaram o texto que “desaprova a decisão do Presidente George W. Bush, anunciada a 10 de Janeiro de 2007” de enviar reforços para o Iraque”. Antecipando as críticas da Administração a esta postura, a maioria democrata sublinha que “o Congresso e o povo americano vão continuar a apoiar e proteger os membros das Forças Armadas americanas que servem e serviram corajosa e honradamente no Iraque”.

última hora no público

No comments: