23.2.07

ANACOM(e) mente, mente e mente!
a lata das entidades independentes e das reguladoras!!!



"Os preços das ofertas de banda larga em Portugal estão abaixo da média de um conjunto de 13 países europeus. A conclusão é do estudo da Anacom – Autoridade Nacional de Comunicações, divulgado ontem.
De acordo com a entidade reguladora, o preço mínimo praticado em Portugal (14,46 sem IVA) está 3,6 por cento abaixo da média dos 13 países em estudo (UE 15, excluindo a Grécia e a Finlândia), o que representa o quinto melhor preço."
Ler tudo no Correio da Manhã de hoje.
Compara-se o que não é comparável. O preço mínimo praticado em Portugal não dá, praticamente, possibilidades de upload e download e, se se ultrapassar o máximo atribuido, a factura trepa para o dobro ou o triplo, enquanto, pelo que sei, noutros países, os 15 euros que refere a ANACOM(E), como sendo um preço mínimo com IVA, atribui um tráfico ilimitado de uploads e downloads sem que se verifiquem, como neste país de vacas loucas (e não gordas), facturações que atingem duas ou três vezes mais que o preço do serviço contratado.
Não há quem os espreite!

No comments: